João Gualberto Moreira Vasconcellos

3º ocupante

Nasceu em Cachoeiro de Itapemirim, ES, em 24 de outubro de 1951. Diplomou-se em Administração pela Universidade Federal do Espírito Santo, em 1974. Aos 31 anos, concluiu mestrado em Administração de Empresas pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro. Em 1992, doutorou-se em Sociologia pela École des Hautes Études en Sciences Sociales, na França. Foi orientado pelo filósofo político Cornelius Castoridis. Aos 31 anos, iniciou sua carreira como professor efetivo na Universidade Federal do Espírito Santo, cargo do qual se aposentou em 2010. Publicou o livro A invenção do Coronel, em 1995 (o livro está atualmente na segunda edição), e participou como organizador dos seguintes títulos: Vitória: Trajetórias de uma cidade, 1993; Recursos Humanos e subjetividades, 1995; Inovações organizacionais, 1998; Memórias do desenvolvimento, 2004. Nos últimos anos esteve presente nos mais importantes congressos nacionais e internacionais: VIII Reunión de Antropología do Mercosul, 2009; 3e Congrès AFS, 2009; V Encontro de Estudos Organizacionais, 2008; Colóquio Gestão Educacional: Desafios na Contemporaneidade, 2008; 32º Encontro Anual ANPOCS, 2008; XX Colóquio Internacional de Poder Local da Universidade Federal da Bahia em 2012; I Colóquio de Multiculturismo da Fundação Getúlio Vargas de São Paulo em 2014. Foi articulista semanal do jornal A Gazeta durante mais de dez anos e comentarista político da Rádio CBN durante cerca de dois anos. Dirige a coleção Memórias do Desenvolvimento na ONG Espírito Santo em Ação. Pesquisador associado da Universidade Federal da Bahia, onde realizou também pós-doutorado em Gestão Social. Foi secretário de Cultura do Espírito Santo de 2014 a 2018, no governo Paulo Hartung.

Esta página está em construção, constando dela
apenas o acadêmico atual. Continuamos trabalhando
para que em breve todo o seu conteúdo esteja
disponível. Continue acessando.

Voltar

Índice de patronos e acadêmicos