Magda Lugon

2ª ocupante

Magda Regina Lugon Arantes nasceu em Vila Velha, ES, em 13 de junho de 1944, filha de Olga de Castro Lugon e Carlos José Lugon. Professora, advogada, promotora de justiça e juíza de direito em Vitória. Graduada e pós-graduada em Direito de Estado na UFES. Pertence à Academia Feminina Espírito-santense de Letras e é membro correspondente da Academia Cachoeirense de Letras. Atuou no Conselho Estadual de Defesa do Consumidor e no Conselho Estadual de Cultura. É membro permanente da Comissão Nacional para Encontros de Justiça e Saúde Mental.  Em 1992, publicou A pequena flor (diálogos poéticos, 2ª edição português/francês); em 1993, Os limites do reino (traduzido para o japonês); em 1995, Em sustenido maior (contos). Publicou, ainda: As faces de Proteu (sonetos, em parceria com Evandro Moreira, 1994); Janelas (sonetos, obra premiada pelo DEC-ES, em 1995); A tutela dos loucos - Frutos pródigos de Cronos. Participou da coletânea Escritos de Vitória, v. 12, Paisagem (PMV,1995). Participou do Varal de Poesias, de Manguinhos e do Catálogo 2009 Letras capixabas em arte (org. por Gracinha Neves). Foi premiada com o 3º lugar no Concurso Mundial de Haikais em Esperanto, promovido pela Rádio Clube de Beijing – China. “Mulher Destaque 1994” – pela Câmara Municipal de Vitória e pelo Movimento de Mulheres de Vitória, e A Intelectual do Ano de 1994, pela Casa de Cultura de Alegre. É cidadã honorária de Vitória, Cachoeiro de Itapemirim, Domingos Martins, Marechal Floriano, Nova Venécia e Muqui.

Esta página está em construção, constando dela
apenas o acadêmico atual. Continuamos trabalhando
para que em breve todo o seu conteúdo esteja
disponível. Continue acessando.

Voltar

Índice de patronos e acadêmicos